“All Visible Objects”: o novo álbum de Moby

Na madrugada desta Sexta-feira foi lançado e disponibilizado nas plataformas de streaming o novo álbum de Moby, “All Visible Objects”. A mais recente obra de Richard Melville Hall surge após os discos “Everything Was Beautiful,and Nothing Hurt”, de 2018 e “Long Ambients Two” de 2019.

Por Hugo Gomes

O projeto foi em grande parte feito no estúdio onde Brian Wilson gravou “Pet Sounds” e com a mesma consola de mistura que David Bowie usou pra gravar o tema “Ziggy Stardust”. E, tal como os lucros do seu restaurante em Los Angeles – Little Pine, os mesmos gerados por este álbum vão para organizações focadas no direito dos animais.

Muitos fãs do músico ansiavam pelo regresso da sua versão mais old school, menos activistica do que os seus últimos lançamentos. “All Visible Objects” é o reunir das várias fases do artista, onde podemos recordar a sua fase mais longiqua de “Animal Rights”, “Play” e “18”, tanto como a fase mais interventiva presente em “These Systems are Failing” e “Everything Was  Beautiful,and Nothing Hurt”.